Acne tardia – dermatologista esclarece algumas dúvidas

Na adolescência, uma das principais queixas em relação à pele é o aparecimento de cravos e espinhas. Mas essas características não fazem parte exclusivamente desta etapa da vida, acne tardia é um problema enfrentado por vários adultos, causando inúmeros desconfortos. 

A causa da acne tardia é multifatorial. Em homens pode estar associada com a pele oleosa por natureza, uso excessivo de cremes inadequados para seu tipo de pele, medicamentos, estresse, poluição, má alimentação ou predisposição genética. 

Os locais mais acometidos pelo surgimento de cravos e espinhas são rosto, tórax e as costas.
A formação da acne é causada pelo aumento da produção de secreção pela glândula sebácea, obstrução de poros e aumento da proliferação de bactérias de forma local. Essa condição cutânea pode ser classificada em alguns graus:

  • Grau 1: apenas cravos;
  • Grau 2: cravos e pápulas (espinhas sem a secreção amarela);
  • Grau 3: cravos, pápulas e pústulas ( lesões com pontos de pus);
  • Grau 4: possui cistos e nódulos (lesões maiores e com grande saída de secreção);
  • Grau 5: grande processo inflamatório na pele, com possibilidade de febre e mal estar.

Para solucionar mais dúvidas e explicar como cuidar da pele acneica, contamos com ajuda da Dra. Juliana Jordão.

Existem várias medidas que podem ser tomadas para controlar e elimina-las de vez as acnes. 

  • Espremer espinhas

É difícil se controlar, mas espremer espinhas é a pior solução possível para dar fim à acne e para a saúde da pele. Isso se dá, sobretudo, porque nossas mãos e unhas estão repletas de bactérias e impurezas, e quando elas entram em contato com a espinha, acabam agravando a inflamação. Como resultado, é possível que haja aumento na infecção, inchaço e dores da região.

  • Passar a mão no rosto

Pelo mesmo motivo, é importante não passar as mãos no rosto, muito menos se você já está com alguma inflamação ou corte. Além disso, o toque constante na região também ajuda a estimular a produção de sebo pelas glândulas sebáceas, deixando a pele ainda mais oleosa.

  • Não manter uma rotina de limpeza diária da pele

Para manter o rosto sempre lisinho e acne free é fundamental manter a higiene da pele em dia, e não apenas tratar da acne quando ela aparecer. Assim, busque criar o hábito de lavar o rosto com um produto adequado, seguindo as recomendações do seu dermatologista.

  • Não aplicar hidratante no rosto porque tem a pele oleosa

Todas as peles precisam de hidratação, das mais secas às oleosas. O importante é encontrar um produto adequado às suas necessidades. No caso da pele oleosa, dê preferência por fórmulas oil free, que controlam o brilho e que possuam efeito matificante.

  • Acreditar que a exposição solar ajuda a minimizar a aparência da acne

Quem tem acne, impreterivelmente, toda vez que for se expor ao sol deve usar um bom protetor, já que a radiação UVB e UVA podem promover o aparecimento de manchas nos locais das lesões. Além disso, o exposição solar também incentiva a produção de óleo, aumentando o visual brilhoso do rosto.

  • Ter uma alimentação rica em açúcares e gorduras

Manter uma alimentação equilibrada é a chave para ter uma pele bonita e livre de espinhas. Por isso, busque manter uma dieta livre de alimentos que intoxicam e estimulam a oleosidade, como açúcares e gorduras.

  • Tenha em mãos um bom produto anti-acne

Caso você tenha seguido à risca todos os itens anteriores e, mesmo assim, ainda sofra com espinhas, mantenha no nécessaire um bom produto anti-acne que trate das lesões e ainda previna o aparecimento de novas marcas.

Tenho uma dica maravilhosa para vocês economizar nos seus produtos anti-acne. No cupom válido você encontra cupons de descontos em diversas lojas, como: ADCOSAnna PegovaLa Roche-PosayMens Market. Só loja que amamos. ❤ Agora não tem desculpas para sofrer com acnes, né!

Anúncios

Cuidados com a barba no verão

verão certamente não é minha estação preferida do ano (calor, sol, calor e mais calor…) E certamente nesta época do ano nos exige cuidados extra com tudo, inclusive a barba. E ao contrário do que muitos pensam por aí, a estação mais quente do ano não é necessariamente sinônimo de rosto liso.

É possível curtir as altas temperaturas da estação sem abrir mão da sua barba, veja algumas dicas que separei para vocês.

  • Higiene:

Normalmente, barbas já tendem a juntar muita sujeira e oleosidade, assim como o cabelo, mas, no verão, por causa do calor e o consequente suor, as chances de que ela fique suja rapidamente são maiores, exigindo que você aumente a frequência de lavagens.

Um dos piores equívocos dos barbados é achar que deixar o shampoo escorrer é o suficiente para fazer a limpeza da região.  O ideal é lavá-la diariamente, ao menos duas vezes, com shampoos específicos para barba ou com sabonete neutro (cuidado alguns sabonetes são mais detergentes e agressivos aos fios, podendo ressecar os fios.)

  • Hidratação:

Muito sol também pode trazer problemas para a saúde da barba. Poucos sabem, mas quando expostos aos raios solares por muito tempo, os pelos tendem a ficar ressecados.

Existem diversos produtos específicos que ajudam a hidratar a barba, como: óleos, condicionadores ou balms que ajudam a evitar esse efeito de forma fácil e deixando em ordem, macia e sem a aparência desgrenhada.

  • Volume:

Se o calor apertar muito, uma alternativa eficiente é dar uma boa aparada. Não precisa ser muito, um ou dois centímetros podem fazer toda a diferença, sem abandonar seu estilo.

Outro hábito que você pode adotar é pentear a barba sempre que necessário e regularmente escová-la. Isso ajudará a alongar os fios, abrindo espaço entre eles e permitindo que o ar circule.

  • Protetor solar:

Você sabia que a barba é uma ótima opção para proteger o rosto contra os raios solares? Ela é muito eficiente em proteger a pele, porém o uso do protetor solar nunca deve ser deixado de lado.

Se a sua barba é volumosa e ocupa uma boa parte do rosto, ela mesmo acaba protegendo dos raios solares. O grande volume dos fios cria uma sombra na face e protege toda a região coberta por eles. Contudo, é preciso aplicar o protetor solar nas áreas que não estão totalmente cobertas pela barba.

Se a sua é baixinha, é preciso aplicar o protetor solar em toda a sua extensão para protegê-la. Opte por protetores de toque seco que não deixam resíduos e evitam que os fios fiquem brancos por causa do produto.

  • Cor:

Para os que gostam de cuidar da tonalidade dos fios, que devido a exposição ao sol podem acabar resultando em uma aparência visivelmente envelhecida, existem produtos que além de colorir os fios, hidratam e fáceis de aplicá-los, deixando sua barba com um aspecto natural e discreto.

  • Beba bastante água:

Sim! Beber bastante água é fundamental no verão, e também é essencial para manter a sua pele, seu cabelo e a sua barba bem hidratadas e com uma aparência saudável.

Lembre-se que as altas temperaturas da estação mais quente do ano exigem cuidados redobrados.

Agora ficou fácil curtir o verão e continuar com a barba em dia, hein?